sábado, 13 de maio de 2017

De fã pra fã: Londres para Potterheads!










Saudações, Potterheads! Como expliquei pra vocês no primeiro post dessa série, o post de hoje mostra um roteiro dedicado a Harry Potter pela capital inglesa. Todos esses pontos eu visitei em dois dias, a maior parte deles indo a pé (a cidade é bem plana, então é tranquilo andar por lá). Porém, alguns ficam bem afastados, então, usar o metrô também é uma alternativa.

Plataforma 9¾

Localizada na estação King’s Cross, essa é a plataforma mais conhecida e desejada pelos fãs da saga. O local escolhido para ser ponto de partida do Expresso de Hogwarts é hoje um local de encontro para fãs, e conta também com uma loja de artigos da saga. Para eternizar o lugar, a Warner implantou o que seria, de fato, a parede que separa o mundo mágico do trouxa, em que os fãs podem tirar sua própria foto com o malão atravessando a plataforma!


Além disso, podemos escolher um cachecol de alguma Casa de Hogwarts, que, durante a foto, conta com um efeito “especial” – um dos integrantes do grupo de staff o segura e solta, produzindo o efeito esvoaçante. Ah, e sobre o staff, eles são SUPER animados. Mas também, trabalhar mergulhados no universo de Harry Potter deve ser só o melhor emprego do mundo, né?


A Plataforma conta com um fotógrafo profissional, e você pode comprar sua foto em uma moldura depois, na loja que fica bem ao lado.


Mas caso não queira a profissional, nada impede que um amigo tire a sua própria foto, e o pessoal do staff não parece se importar. 

St Pancras

Bem ao lado da King’s Cross você encontra a estação St Pancras, com toda sua exuberância. Ela apareceu de leve em Câmara Secreta, quando Harry e Rony perdem o trem para Hogwarts e precisam ir voando no Ford Anglia. Vale muito a pena parar e contemplar, nem que seja um pouquinho.


Leadenhall Market

Bruxas e bruxos a procura do Mundo Mágico, apresento-lhes a entrada para o Beco Diagonal. Em Pedra Filosofal, Hagrid leva Harry até este famoso ponto Londrino, e a partir de lá, chegam até o centro comercial bruxo. O mercado é lindo, e parece mesmo digno de um estabelecimento mágico. 


Cecil Court

A Cecil Court é uma das ruas mais gracinhas que já visitei. Repletas de antiquários, livrarias e outras lojas pequenas, ela foi - em teoria - a inspiração para o Beco Diagonal. Mesmo que nenhuma gravação tenha sido feita ali, eu recomendo a visita. Além do mais, ela fica em uma região movimentada e de fácil acesso, bem próxima à famosa Trafalgar Square.


Millenium Bridge

Quem não se lembra da cena épica em Enigma do Príncipe quando o mundo trouxa é atacado por Comensais da Morte? A ponte que eles destroem é a Millenium Bridge, e pelo vento que fazia no dia em que a visitei, jurava que não era apenas fenômenos da natureza que atuavam ali. 


Picaddily Circus

Em Relíquias da Morte – parte 2, quando Harry, Rony e Hermione aparatam do casamento de Gui e Fleur, eles vão parar em uma das zonas mais conhecidas e movimentadas de Londres:o Picaddily Circus. Por falta de tempo, não consegui ir até lá =/ Mas fica como dica pra quem pretende conhecer a capital inglesa.

*imagem retirada da internet
Palace Theatre

O Palace Theatre é o local em que “Harry Potter and the Cursed Child” está sendo exibido, desde julho do ano passado. Apesar dos ingressos estarem esgotados até o ano que vem (D: ), eu precisava pelo menos passar em frente a ele. Se você se planejar com muita antecedência, talvez consiga um bilhete e possa assistir à peça. Se não, vale a pena só contemplar e tirar uma foto mesmo ><


Madame Tussauds – estátua da Emma

Como um extra, fica a dica para visitar o museu de cera britânico, o Madame Tussauds. Nele existe uma estátua de cera da Emma Watson, e você garante, pelo menos, uma foto ao lado da intérprete da bruxa mais inteligente de sua idade. O ingresso para o museu é caro (cerca de 30 libras – 120 reais), mas se você comprar com antecedência pela internet, pode adquirir “combos” com outros pontos turísticos da cidade e acaba saindo mais barato. Eu, por exemplo, comprei  junto com o ingresso para a London Eye, que assim, ficou pela metade do preço. Você pode conferir os valores aqui.


Curiosidade: No primeiro capítulo de Pedra Filosofal, Dumbledore comenta com a Profa. Minerva que ele possui uma cicatriz em seu joelho esquerdo que é "o mapa perfeito do metrô de Londres", que se encontra na foto abaixo.

E aí, deu pra ter uma ideia da confusão que é essa cicatriz? rs

Esses foram os pontos que acredito serem essenciais para todo potterhead que for a Londres. Você já visitou algum desses lugares? Conta pra gente nos comentários! Essa série de posts ainda conta com mais um, falando agora da relação de Portugal com Harry Potter!  Acompanhem o'Profeta para qualquer atualização!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts