2.6.17

No Caldeirão da Nikki: Sopa de cebola do Monstro



Os elfos são conhecidos por fazerem deliciosas refeições, principalmente nos banquetes de Hogwarts e hoje teremos a receita de um deles. O elfo da família Black, por um bom tempo, cozinhou de mal gosto para seus novos senhores, mas quando Monstro recebeu um "agrado", pareceu querer recompensar o feito. Agora, vamos à receita porque a Nikki está ansiosa para nos contar!

______________________________________________________________________________________________________________

“Harry começou a levar a colher de sopa à boca. A qualidade da culinária de Monstro tinha melhorado drasticamente desde que ganhara o medalhão de Régulo: a sopa de cebola de hoje era a melhor que Harry já provara.”
Harry Potter e as Relíquias da Morte


Oiêêêêê!


Aqui estou outra vez!  E hoje eu trago mais uma receita de fora da família, mas que PRECISA ser compartilhada. Todo mundo sabe quem é o Monstro? Aquele elfo doméstico que era da família Black e que o tio Harry herdou do Sirius, sabe? Então. Ele sempre cozinhou muitas coisas, mas essa receita é a mais conhecida dele e, entre as que ele faz, a preferida dos meus tios Harry, Mione e Rony. Algo a ver com a época em que eles estavam caçando as tais Horcruxes...

Tenho que confessar que eu também amo essa maravilha! É ótima pros dias de frio e pra quando estou doente, como toda sopa, mas também é perfeita pra quando estou triste. Sabe aqueles dias em que a gente quer um colo? Então; apresento a vocês o colo em forma de comida! Por aqui a gente chama isso de “confort food”, que quer dizer “comida reconfortante”, ou que traz conforto. Já estão com água na boca? Então vamos lá:


Do que precisa:

- 1kg de cebola amarela ou branca (só não serve a roxa);
- 2 colheres de sopa de margarina ou manteiga;
- 1 fio de azeite;
- 1 colher de sopa de vinagre de maçã;
- 1 litro de caldo de carne ou de legumes (eu usei um feito em casa, mas pode usar aqueles prontos, basta diluir em água);
-1 colher de sopa rasa de farinha de trigo;
- ervas finas, salsinha e uma folha de louro (esses foram os temperos que usei, mas fiquem à vontade para escolher os preferidos de vocês)
- sal;
- pimenta do reino (eu uso sempre a branca, mas pode ser a preta também);

Primeiro é preciso descascar e fatiar as cebolas. Eu recomendo cortar ao meio antes de fatiar, para facilitar. Vai parecer muito, como na foto abaixo, mas não se preocupe, elas vão murchar bastante. Separe as cebolas.

Coloque as duas colheres de margarina em uma panela para derreter e adicione também um fio de azeite. O azeite vai impedir que a margarina queime. Quando derreter, adicione as cebolas e duas colheres de chá, rasas, de sal. Misture bem e deixe cozinhando por aproximadamente meia hora, mexendo de vez em quando. Elas estarão no ponto quando estiverem marrons.


Adicione o vinagre e, com uma colher de pau ou silicone, vá raspando a cebola que estiver grudada no fundo da panela. O vinagre vai ajudar a soltar e essa mistura vai intensificar o gosto. Adicione a farinha, misture bem e deixe cozinhar por mais um minuto. Acrescente o caldo de carne ou legumes e os temperos, menos o sal e a pimenta.

Deixe a sopa ferver durante vinte minutos. O recomendável é que os temperos sejam usados em galhos e amarrados, para que possam ser retirados nessa etapa da receita. Mas como eu só tinha salsinha em galhos, retirei esses e a folha de louro e, com uma colher, o excesso de ervas finas, pra não ficar forte. Façam o que for possível com os temperos que vocês tiverem em casa! ;)


Agora é só comer!  =)
Beijinhos da Nikki!

P.S. Se tiverem qualquer dúvida, podem comentar aqui no post ou nas redes sociais do OPD. E eu também tenho facebook! Não entro  muito, por causa das aulas, mas estou por lá!






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts