sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Leia mais um texto inédito de J.K. Rowling, dessa vez sobre a escola de magia africana: Uagadou!

O Pottermore acabou de revelar os nomes, bem como as peculiaridades das outras escolas de magia espalhadas pelo mundo. Uma delas foi a Uagadou, localizada na África. Você confere a nossa tradução a seguir.


Uagadou [Wag-a-doo]

Mesmo que a África tenha um número expressivo de escolas de magia menores, há apenas uma que continua funcionando mesmo após um longo período de tempo (pelo menos mil anos) e atingiu uma inegável reputação internacional: Uagadou. Sendo a maior de todas as escolas de bruxaria, ela aceita alunos de todas as partes do enorme continente. O único endereço já revelado é "Montanhas da Lua": os visitantes falam de um edifício maravilhoso que se localiza em uma montanha e é envolto em neblina, o que dá a impressão que está flutuando no ar. Grande parte da magia (algumas pessoas diriam toda) foi originada na África e os graduados na Uagadou são especialistas em Astronomia, Alquimia e Transfiguração.  

A varinha é uma invenção européia, e mesmo que bruxos e bruxas africanos tenham a adotado como um objeto muito útil no último século, muitos feitiços são feitos sem ela: apenas apontando o dedo ou através de gestos manuais. Isso confere aos estudantes da Uagadou uma ótima saída quando acusados de violar o Estatuto Internacional de Sigilo ("Eu estava apenas acenando, nunca quis que o queixo dele caísse"). Em um Simpósio Internacional de Animagos recente, a equipe da escola de Uagadou atraiu a imprensa quando exibiu uma transfiguração sincronizada. Muitos bruxos e bruxas mais velhos e experientes sentiram-se ameaçados por estudantes de quatorze anos que mostraram sua habilidade em transformar-se em elefantes e macacos quando bem queriam e uma queixa formal foi apresentada por Adrian Tutley, para a Confederação Internacional dos Bruxos. A enorme lista de aclamados ex-estudantes de Uagadou inclui Babajide Akingbade, que sucedeu Alvo Dumbledore como o "Cacique Supremo" da Confederação Internacional dos Bruxos.

Os estudantes recebem a notícia de que estudarão em Uagadou do "Mensageiro dos Sonhos", enviada pelo diretor ou diretora do dia. O "Mensageiro dos Sonhos" aparecerá para a criança enquanto ela dorme e deixará um sinal, geralmente uma pedra inscrita que é encontrada na mão da criança quando ela acorda. Nenhuma outra escola emprega esse método de seleção de alunos.

[Atualizado 30/01] A Jo revelou mais precisamente pelo Twitter a localização da escola africana! Ela aceita estudantes de todo o continente, mas se localiza na Uganda! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts