quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Entrevistas sobre Animais Fantásticos: elenco fala sobre o diretor David Yates

A Correspondente do Pottermore esteve com o elenco de Animais Fantásticos e Onde Habitam e conversou com os atores sobre o diretor, David Yates, a respeito da sua forma de produzir e gerenciar o set – incluindo sua relação com os próprios atores. Confira a tradução: 
______________________________________________________________________________________________________________________________

O elenco de Animais Fantásticos e Onde Habitam revela à Correspondente do Pottermore o que pensa sobre o diretor David Yates.

David Yates usa muito azul escuro. Se está calor, ele está com um boné azul escuro na cabeça, e, se está frio, um gorro azul escuro. É assim que você pode distingui-lo gesticulando no meio de uma multidão de figurantes vestidos de anos 20 ou abaixando entre carros dublês: a manchinha azul escura. Você também pode distingui-lo por seu modo de andar. David não anda a esmo pelo cenário: ele é objetivo, animado. Ele é, em tudo o que faz, meticuloso mas sutil.


"David tem um jeito tão legal!", Eddie Redmayne declara. "Ele tem um carinho e uma gentileza incríveis. Ele traz à tona o melhor das pessoas. Quando você é diretor de um filme como esse, você está lidando com muitos setores. É como se você tivesse que tripular esse gigante cruzeiro de navios.
"Do ponto de vista de um ator, você pode ficar um pouco aflito com tanta coisa acontecendo ao mesmo tempo... o diretor estará focado em ter certeza que as atuações estão corretas? O que é maravilhoso do David é que, no meio desse caos, ele é o mais forte diretor em atuação. Eu gostei muito da sua companhia."
Tudo isso fica óbvio quando se vê David nas filmagens, com Eddie ou outros atores. Existe uma felicidade genuína em sua direção, que é contagiante, especialmente quando ele descreve o que está visualizando.


"Ele é um contador de histórias e visualmente muito descritivo", diz sorrindo Alison Sudol. "Ele pode visualizar tudo e faz você se sentir uma criança ouvindo uma história na hora de dormir quando ele está relatando uma cena.
"Ele é muito meigo conosco. Ele nos proporciona liberdade e espaço... mas você sente a responsabilidade porque foi dada essa liberdade. Ele diz: "Eu confio em você". Ele é sempre maravilhoso, nunca ergue sua voz... Ele sabe o que quer e é muito claro. Ele obtém a atuação que precisa, mas nunca é nada menos que afável quanto a isso".

Parte dessa facilidade em trabalhar com esse filme em especial pode vir do fato de que David já trabalhou dentro do mundo bruxo de J. K. Rowling antes. Como me diz Katherine Waterston, ele conhece o território.
"O que realmente é transmitido da parte dele é sua fé no processo porque ele já esteve aqui antes", diz ela. "Em geral, todos nós estamos caminhando em território novo, você pensa: 'Vou me deparar com uma areia movediça ali? Os lobos estão esperando para atacar?" Ao passo que ele é assim: 'Nós vamos virar à esquerda aqui, evitar a areia movediça.' Você sabe, ele realmente tem esse tipo de agilidade e conforto com o mundo, ele não é preciosista com isso. Há algo realmente confortável nisso."
David Yates consegue, pelo jeito que soa, ser ao mesmo tempo reconfortante e inspirador.
"Ele cria esse parque de diversões – sim, estamos trabalhando com as maiores franquias do mundo– onde ele faz parecer que é um filme intimista", Dan Fogler afirma.
"Você sabe, [David] tem essa energia. Ele tem um olho fantástico e eu confio nele – ele está sempre certo! Você pensa que pode estar sentindo isso e, então, olha para a câmera e ele está dizendo o que fica melhor – e ele está sempre certo! Ele é um diretor de atores. É a melhor experiência criativa que já tive com um diretor. Aquele homem é um anjo em minha vida; ele mudou minha vida."

Segundo Ezra Miller, os talentos de David são quase sobrenaturais.
"Você deve saber que David Yates é um mágico", diz ele, com convicção. "Estou dizendo que aquele homem é um telepata. A direção de David tem sido impecável. Essa é a palavra. Ele é conectado com a criatividade do universo. Ele entra na sua mente quando está dirigindo. Ele chega em você saltitante, com aqueles olhos brilhando, feliz como uma criança, e diz exatamente o que fazer. Ele é uma alegria. Ele sente exatamente o que precisa acontecer mas de maneira fria e calma, porque sabe que você consegue fazer algo e ele mostra como."
"Isso aconteceu de verdade", continua Ezra. "Então, tem uma parte em que estamos filmando onde está escuro e realmente preciso recorrer às minhas próprias vivências, e aí estava mantendo essas memórias na mente durante uma cena para me levar ao ponto correto para Credence. Quando vem o corte, David se dirige a mim e o que diz é: "Eu acho que estamos ficando muito pessoais aqui. Tinha muito do Ezra e temos que voltar para o Credence."Eu juro, o homem é um mágico."
Mágico, anjo, contador de histórias: seja com quem você fale sobre David, eles insistem no quão gentil ele é. Quando nos encontramos no set, pergunto se ele conhece sua reputação.
"Eu acho que puxei à minha mãe", ele abre um grande sorriso. "Sabe, é uma coisa legal de fazer, esses filmes. Nunca é estressante. E gentil? Como não poderia ser? Por que não se divertiria nesse processo e no jogo que jogamos juntos? É tão legal. É como ter nove anos e alguém te dar um trenzinho e dizer: "Vá em frente. Divirta-se". E você vai. "E lembre-se de brincar com seus melhores amigos!" O estúdio me apóia, meu produtor é legal, J. K. Rowling é legal, meu elenco é legal... Todos são muito gentis, também, então isso meio que dá certo. É fácil."
Ele inclina modestamente seu boné azul escuro, como se fazer um filme colossal como Animais Fantásticos fosse a coisa mais fácil do mundo. Talvez seja fácil, se você gerenciar seu set com gentileza e um pouco de leitura de mente. Talvez seja só uma alegria.
______________________________________________________________________________________________________________________________
Tradução: Amelina de Aquino

Um comentário:

  1. Embora não curta o histórico dos filmes dele da franquia foi mesm muito legal saber destas a seu respeito. Me sinto mais animado para ver o Ezr... Ops Credence, neste filme!

    ResponderExcluir

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts