23.12.16

Retrospectiva 2016: um ano especial para os fãs de Harry Potter


2016 foi um ano de muitas surpresas para os Potterheads. De Harry Potter e a Criança Amaldiçoada à Animais Fantásticos e Onde Habitam, fomos todos presenteados com magníficas novas histórias. Pensando nisso, a correspondente do Pottermore reuniu os principais acontecimentos relacionados ao universo de J.K. Rowling desse ano em um texto incrível que - já alertamos de antemão - pode te deixar emotivo. Confira a seguir a nossa tradução.

____________________________________________________________________________________________________



Esse foi um grande ano para os fãs de Harry Potter e J.K. Rowling. A correspondente do Pottermore reflete sobre o ano de 2016 no mundo bruxo.


Pelas barbas de Merlin, que ano. Uma grande aventura para aqueles que reservaram um espaço para as palavras de J.K. Rowling em seus corações. Diante da proximidade do Ano Novo, vamos tirar um momento para celebrar tudo o que aconteceu em 2016.


Nesse ano nós pudemos assistir à oitava história de Harry Potter nos palcos. Harry Potter e Criança Amaldiçoada: a história que jamais imaginamos ter. As apresentações iniciaram no dia 7 de junho, a Abertura de Gala ocorreu no dia 30 de julho e o livro/roteiro começou a ser vendido à meia noite na medida em que mergulhávamos no dia 31, não por acaso o dia do aniversário de Harry Potter e também de J.K. Rowling.

A equipe de produção recebeu elogios efusivos dos críticos, avaliações de cinco estrelas, calorosas aclamações e, em novembro, o prêmio de melhor peça no Evening Standard Theatre Awards. J.K. Rowling prometeu levar a peça para o maior número de fãs possível e certamente as preparações para as apresentações de Criança Amaldiçoada na Broadway, que terão início na primavera de 2018, já foram iniciadas. Esse foi sem dúvidas o evento teatral mais extraordinário e fervorosamente aguardado do ano e uma grande conquista para o diretor John Tiffanny, o dramaturgo Jack Thorne e todos aqueles envolvidos na produção.


E então, em novembro, nós entramos juntos em uma nova era da magia. Fomos convidados a acompanhar o amável e corajoso magizoologista Newt Scamander pela Nova Iorque do ano de 1926, em Animais Fantásticos e Onde Habitam: uma grata surpresa!

Eddie Redmayne, Katherine Waterston, Dan Fogler, Alison Sudol, Ezra Miller e Colin Farrell juntaram-se ao mundo mágico - e todos ficaram muito sentimentais a respeito disso.

Sob uma chuva torrencial na première européia de Animais Fantásticos, Ezra Miller me contou que sempre se sentiu parte da família Harry Potter porque "esse mundo é inclusivo e faz com que você procure encontrar sua própria magia." Isso, talvez mais do que qualquer outra coisa, é o coração desse fandom e de toda a franquia: os fãs de Harry Potter ainda têm interesse em encontrar sua própria magia.


Tanto a peça quanto o filme trouxeram antigos e amados personagens de volta às nossas vidas - alguns os quais nós não imaginávamos ver novamente - e introduziram-nos aos novos. Fomos convidados a adentrar lugares da imaginação de J.K. Rowling que nem sonhávamos conhecer.

Nesse ano nós descobrimos também o nosso Patrono, a nossa casa em Ilvermorny e aprendemos mais sobre as escolas bruxas espalhadas pelo planeta, bem como a história da magia na América do Norte. E assim como na época de Harry Potter, ficamos em filas de espera do lado de fora dos cinemas e das livrarias à meia noite, ansiosos para colocar as mãos nas mais novas histórias.


Da exclusiva edição ilustrada de Harry Potter e a Câmara Secreta de Jim Kay ao Pottermore Presents, esse foi um grande ano. E além de tudo isso, nos foram prometidos mais cinco filmes de Animais Fantásticos e Onde Habitam. Esse ano foi frenético, enorme, louco e maravilhoso. Diferente de qualquer outro ano na história de Harry Potter. Vamos fazer tudo de novo, vamos?

Cobrir esses eventos tem sido absolutamente divertido. Eu mal posso dizer o quanto isso significa para mim. Foi um prazer imenso conhecer os elencos e equipes de produção de Animais Fantásticos e Criança Amaldiçoada. Mas a coisa mais significante e encantadora foi conhecer outras pessoas tão apaixonadas por esse universo quanto eu.

Eu conheci fãs maravilhosos nos eventos que participei e fiquei genuinamente tocada pela sua inquebrável lealdade ao universo em que entraram através de Harry Potter e a Pedra Filosofal. Eu os vi vestidos de Harry, Hermione, Rony, Dumbledore, Umbridge Hagrid e Snape. Recentemente os vi também como Newt, Tina e Queenie. Eu os vi em trajes comuns com um cachecol da Grifinória. Qualquer que tenha sido o traje, estavam todos tão lindos - e foi um gande prazer conhecê-los.

Em uma sessão especial de Animais Fantásticos em Londres à meia noite, eu conheci uma mulher vestida como Lúcio Malfoy que me contou que era casada com o comensal da morte que estava ao seu lado - e eles se conheceram no Pottermore. Conheci também um homem na Comic Con que fazia cosplay de Newt Scamander e disse que só sobreviveu ao bullying que sofria porque conseguia enxergar bondade no mundo através dos livros de Harry Potter. Eu vi a linda maneira com a qual os fãs superaram a morte de um homem extraordinário, Alan Rickman, a quem nós perdemos de maneira trágica nesse ano.

Eu vi em primeira mão do que esse fandom é feito e ele é feito de amor, tolerância e coragem. Em minha humilde opinião, não há fandom maior no mundo, nem um conjunto maior de histórias, lugares, feitiços, aventuras e personagens para amar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts