8.11.17

Porque Fenrir Greyback era o vilão mais assustador nos livros de Harry Potter


Você já parou pra pensar em quem é o vilão mais cruel de Harry Potter? Lorde Voldemort? Belatriz Lestrange? Gerardo Grindewald? Com certeza são pessoas que passam pela nossa cabeça. O Pottermore traz pra gente a explicação do porquê Fenrir Greyback é essa pessoa. Confira abaixo, a traduçao de Isabel Dain e Henrique Scheffer.
________________________________________________________


Claro, Lorde Voldemort e Gerardo Grindelwald não eram exatamente os mocinhos, mas havia algo no lobisomem Fenrir que realmente nos incomodava

Assim que Voldemort recuperou seus poderes nós tivemos a “sorte” de nos deparar com algumas das pessoas horríveis que o cercavam. Rabicho, Belatriz Lestrange e Bartô Crouch Jr. eram especialmente loucos, mas havia um seguidor menos conhecido do Lorde das Trevas: Fenrir Greyback, conhecido como o “lobisomem mais selvagem da atualidade”. Não vamos nunca esquecer o quão horrível ele realmente era.

Enquanto tipos como Voldemort e seus seguidores eram certamente maus, havia algo horrivelmente assustador em Ferir que nós simplesmente não conseguimos afastar de nossas cabeças. Talvez fosse sua nojenta aparência geral. Talvez fosse seu interesse sádico em atacar crianças, ou seu objetivo de transformar o maior número possível de bruxas e bruxos em lobisomens. Ou, é claro, todas as alternativas anteriores.

O que quer que fosse, o imundo e esfarrapado Greyback nos afetava mais do que alguns dos piores Comensais da Morte de Voldemort. Aqui estão algumas das coisas mais cruéis e horrorosas que ele fez:

Ele transformou Remo Lupin em um lobisomem


Remo sempre teve dificuldades para lidar com seu “probleminha peludo”, mas nós ficamos ainda mais tristes por nosso querido Maroto quando descobrimos que foi Fenrir Greyback o responsável por torná-lo um lobisomem. Remo tinha apenas 4 anos quando foi mordido e teve uma infância difícil tentando lidar com o que havia acontecido. Para piorar, Greyback apenas fez de Remo seu alvo porque o pai do menino, Lyall, havia insultado lobisomens. Lyall passou o resto de sua vida tentando encontrar uma cura para seu filho, enquanto Greyback de gabava de seus próprios atos. A falta de remorso fez tudo ficar pior.

Ele possuía uma horrível inclinação para atacar crianças


Fenrir Lobo Greyback riu, mostrando dentes pontiagudos. Um filete de sangue escorria pelo seu queixo, e ele lambeu os lábios, lenta e obscenamente.
– Você sabe como gosto de criancinhas, Dumbledore.
Harry Potter e o Enigma do Príncipe

Greyback não estava interessado apenas em Remo Lupin: o lobisomem gostava de transformar qualquer criança em um alvo. Como Remo explicou para Harry, o plano maligno de Greyback era “mordê-las enquanto pequenas” e virá-las contra a comunidade mágica. Em diversas ocasiões podemos ver o desejo terrível de atacar crianças de Greyback, e nunca soubemos de nenhuma consequência de seus atos. É até mesmo pior, considerando que Lorde Voldemort prometeu “filhos e filhas” a Greyback, em troca de capturar bruxos e bruxas para ele.
Mas ele ataria qualquer um

Novamente, de acordo com Remo Lupin, Greyback “encara como missão de sua vida morder e contaminar o maior número possível de pessoas”. O imenso numero de vítimas de Greyback provam que o lobisomem não tinha nenhum tipo de remorso por suas más ações, ou pelas muitas vidas que afetou ao longo do tempo. Ver o que Remo enfrentou em sua passagem por Hogwarts nos mostra o quanto uma única mordida pode mexer com uma vida, tanto emocional como psicologicamente.

E nem precisava estar na lua cheia


Durante seu encontro com Alvo Dumbledore, Greyback revelou que não precisava ser lua cheia para que ele satisfizesse seu “gosto por carne humana”. Sim, como se não pudesse ficar pior, Greyback nem mesmo precisava da desculpa de ser um lobisomem para atacar pessoas e satisfazer seus desejos sádicos.

Ele realmente gostava de machucar pessoas


– Acho que ela me dará uma sobrinha da garota quando terminar, não? – cantarolou Greyback, enquanto os forçava a avançar pelo corredor. – Eu diria que será suficiente para umas dentadas, não acha, Ruço?
Harry Potter e as Relíquias da Morte

Sempre que Greyback falava em atacar alguém, sua alegria era verdadeiramente revoltante de se ouvir. Quando Hermione foi feita refém na Mansão Malfoy, por exemplo, agradou a Greyback a oportunidade de atacar uma nascida-trouxa.

Ele maltratou Gui Weasley


Greyback nem sempre tinha êxito em transformar as pessoas em lobisomens, mas mesmo assim, ele tinha uma felicidade perversa em fazer mudanças permanentes na vida de alguém. Entretanto, quando Gui Weasley foi atacado por Greyback, se livrou da maldição de se tornar um lobisomem porque não era lua cheia. Greyback apenas deixou Gui com grandes cicatrizes e com um novo gosto por carne mal-passada.

Ele atacou Lilá Brown


Mesmo durante o caos de Batalha de Hogwarts, Fenrir Greyback encontrou uma oportunidade de violentar novas vítimas. A pobre Lilá Brown foi vista caindo de uma sacada, com um vulto cinza correndo atrás dela para atacá-la. Hermione conseguir derrubar Greyback, mas nunca descobrimos se Lilá conseguiu sobreviver.

Tradução: Isabel Dain e Henrique Scheffer

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts