6.11.15

Edição da Entertainment Weekly dando destaque a Animais Fantásticos é lançada! Leia as matérias traduzidas!


Finalmente a edição da revista do Entertainment Weekly foi liberada nesta sexta e ela está recheada de informações! Recebemos fotos exclusivas tiradas da revista e você pode checar tudo traduzido abaixo! Um milhão de agradecimentos para a Erika Velenzuela por ter nos enviado as fotos abaixo e também ao site Fantastic Beasts Movie (@FBAWTFTmovie), que nos disponibilizou elas em alta definição!



A revista começa com essa foto de abertura, que já vimos nas oito imagens liberadas anteriormente. Além disso, podemos ler no canto: "O universo de Harry Potter atravessa o tempo e espaço - e vem para Nova York! - para o próximo outono [nossa primavera] Animais Fantásticos e Onde Habitam. Dentro da câmara de segredos de "um munto totalmente novo" [aqui eles brincam com a palavra "new" e "Newt"].



A matéria começa falando sobre o Newt: "Nós encontramos Newt bem longe do seu habitat natural. O magizoologista famoso mundialmente está andando por uma rua agitada de Manhattan da década de 20. Ele é um cara um pouco esquisito, e de uma curta distância o observador cuidadoso pode detectar pistas sobre sua origem e habitat. Vê seus passos abertos? Isso é porque ele geralmente está se escondendo por selvas. A jaqueta de tweed que veste mal? O excêntrico inglês não está acostumado a roupas da cidade. Sua reticência quando é abordado? Ele não se sente confortável perto de pessoas. E então tem aquela mala estranha, desgastada e cor amarelo-tostado que ele agarra de forma tão protetora. Alguma coisa dentro dela é muito preciosa para ele.



Nós estamos seguindo Newt nessa réplica extensa de Nova York nos estúdios Leavesden, em Londres, porque, como uma de suas criaturas, ele é da raça mais rara: o primeiro personagem principal em um filme da série Harry Potter, que lucrou US$10 bilhões, a não ser o próprio Harry Potter. Interpretado pelo vencedor do Oscar Eddie Redmayne, Newt Scamander é o herói do filme ultra-misterioso que sai em novembro do ano que vem, Animais Fantásticos e Onde Habitam, o primeiro filme de uma franquia planejada pela Warner Bros., baseado em uma mini enciclopédia da fauna mágica. Escrito por J.K. Rowling e publicado pela primeira vez em 2001 com meras 42 páginas - levou mais do que isso para o Harry sair da casa dos Dursleys - Animais Fantásticos é um livro escolar, de autoria do Newt Scamander, que é usado por estudantes na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, nos romances da série Harry Potter. O livro não possui nenhum enredo para se comentar. Então como você faz um filme de um fino catálogo de criaturas? Uma ideia envolvia criar um documentário sobre a fauna - pense no Animal Planet com hipogrifos ao invés de hipopótamos - mas quando Rowling ouviu sobre esse plano, ela oferecia outro: "Ela apenas começou a escrever", diz o produtor de longa data David Heyman.



Essa página acima tem a descrição dos personagens, que já havia sido liberada antes, além do texto do lado, que você pode ler abaixo!

"Conheça o Elenco de Animais Fantásticos

Embora Rowling tenha seu papel na parte criativa dos filmes da série Harry Potter, Animais Fantásticos marca a primeira vez que ela escreveu um roteiro de cinema. E isso fez com que a espera por um rascunho fosse desesperadora para todos os envolvidos, especialmente Redmayne.

O ator de 33 anos foi chamado cinco meses antes de Rowling se transformar em roteirista, o que o deixou na posição não invejável de provavelmente ter que derrubar a contadora de histórias mais amada (e mais lucrativa) do mundo. "Eu li os livros [Harry Potter] e assisti aos filmes e você não quer ser aquele que chega e..." Redmayne deixa o resto desse pensamento no ar. Ele faz muito isso, na verdade. "Havia nervosismo, porque e se eu lesse o roteiro e..." Sim. Entendi.

O Ruivo britânico, que mais cedo nesse ano levou para casa o Academy Award de Melhor Ator por sua performance de Stephen Hawking em A "Teoria de Tudo" e é considerado favorito de novo esse ano por sua performance como a pioneira transgênero Lili Elbe em "A Garota Dinamarquesa" (lançado 27 de Novembro), não deveria ter que se preocupar.

O rascunho inicial de Rowling tinha tudo que os produtores esperavam ver: uma estória que estranhamente, pra franquia inglesa, foi criada em Nova Iorque em 1926. "Existiam coisas ali que eram de tirar o fôlego," Heyman diz da "sala de guerra" em Leavesden, formado por pelúcias, quadros com sequências de desenhos e um bilhete na porta, avisando ao serviço de limpeza que se afaste. "Tinha a marca registrada da incrível imaginação dela."

Redmayne experimentou aquela imaginação pela primeira vez nas mãos quando se sentou com a autora pra discutir a função dele. "Ela consegue te explicar tudo, cada detalhe." ele diz.


“Você não está interpretando um personagem “real”, mas na mente de J.K. Rowling, Newt é completamente tridimensional e você pode conversar com ela sobre como a vida dele era”.

No filme, dirigido por David Yates (que dirigiu os quatro últimos filmes de Harry Potter), as aventuras de Scamander o levam para uma América do século XX, em que os bruxos têm vivido escondidos por séculos. Os julgamentos de bruxas em Salem não melhoraram exatamente o relacionamento entre as comunidades, e agora a maioria dos trouxas – chamados No-Maj nos Estados Unidos – não acreditam que os bruxos sequer existem. Newt inadvertidamente ameaça o status quo quando seus animais raros e ameaçados de extinção saem de sua maleta.

Então, sobre a maleta: é mágica, e não, não é como a bolsa de Mary Poppins, é muito, muito, MUITO maior dentro do que parece do lado de fora. É, de fato, uma espécie de parque da vida selvagem portátil, repleto de animais vivendo em seu próprio habitat. Agora, se isso está começando a soar como o conto do garoto e seu cachorro de três cabeças, não fique com medo. Newt encontra alguns companheiros americanos.

Como nos filmes de Harry Potter, Animais Fantásticos é sobre um estreito grupo de amigos, só que dessa vez são quatro, ao invés de três. Newt se une à Porpentina “Tina” Goldstein (Katherine Waterston, de Steve Jobs), uma ambiciosa funcionária da versão estadunidense do Ministério da Magia, chamado de Congresso Mágico dos Estados Unidos da América – MACUSA. Tina apresenta Newt à sua irmã e colega de quarto Queenie (a novata, Alison Suldol) que é uma legilimente (uma leitora de mentes) com um grande coração. E então temos Jacob Kowalski (Dan Floger, de Bolas em Pânico), um funcionário da fábrica que se torna o primeiro personagem principal trouxa da franquia. “No começo da história, Jacob termina com sua namorada e é arrastado para esse mundo mágico com um sentimento de admiração e abertura,” Heyman diz. “Ele é nossa janela para dentro”.


O quarteto é destinado a receber comparações com Harry, Rony e Hermione, o que é talvez injusto e inevitável: “A suposição é que o Newt seja a frente e o centro, mas é um quarteto, disse Redmayne. “Então, meio que acaba com a pressão. Pelo menos é o que estou dizendo a mim mesmo.”

Preenchendo o elenco temos Colin Farrell como Graves, um auror da MACUSA que vai atrás do Newt; Samantha Morton (do Minority Report) como Mary Lou, uma trouxa que lidera a Sociedade Filantrópica da Nova Salém, também chamada de Second Salemers; e Ezra Miller (de Trainwreck) como seu perturbado filho adotivo, Credence. Credence é o personagem mais enigmático do grupo e aquele que pode evoluir para alguém bastante notável no universo Potter. Enquanto isso, Miller está apenas feliz em estar aqui: “Quando eu tinha 11 anos, não recebi minha carta de Hogwarts e isso me desapontou,” ele diz. “Ser parte disso me faz sentir como se estivesse em Hogwarts – como um assistente de professor ou algo do tipo.”

Alguns críticos têm comentado sobre a falta de diversidade no elenco principal de Animais Fantásticos – uma ironia amarga para um filme que não é tão secretamente sobre a intolerância. Mas Heyman está ansioso para explicar que a divisa racial na cidade é parte do pano de fundo do filme. “Em 1920, em Nova York, havia uma segregação entre brancos e negros, e isso está refletido no filme”, ele diz, notando que uma cena em um bar ilegal no Harlem destaca essa separação mais facilmente. “Mas o mundo bruxo é uma sociedade mais aberta e tolerante, em que pessoas de cor e etnias diferentes convivem harmoniosamente.” Yates complementa que “Animais Fantásticos” é um pouquinho mais crescido que o resto do cânone. “Não há crianças nesse filme”, ele diz.



Devido aos membros do elenco não serem crianças, entretanto, eles tiveram que se atualizar um pouco. Os atores tiveram que aperfeiçoar a magia deles, rapidamente. (Você não pode pular sete anos em Hogwarts sem alguns estudos extras para corrigir isso.)

Primeiro: Escolher varinhas.Cada ator recebeu cerca de uma dúzia de opções diferentes de design antes de começar a praticar movimentos mágicos em aulas de "exercícios de varinhas". "Você tem a chance de ter uma grande discussão sobre que varinha você tem - é o tipo de coisa com o qual as crianças sonham", disse Redmayne. "Eu ficava, tipo, O Newt não teria nada de couro nem nada feito de chifre de animal. Seria algo simples e parecido com madeira." Waterson pediu que a sua fosse mais pesada para que tivesse uma pegada melhor para lançar feitiços. Farrel comenta que ele tinha uma "varinha de treino" - como se dar uma varinha "de verdade" para o ator de True Detective pudesse ser perigoso - para levar de volta para seu quarto de hotel. "Eu ficava andando pra lá e pra cá de roupão com a minha varinha na mão", disse Farrel. Lá  (no hotel), ele gesticulou significativamente para a TV: "canal 4!  BBC 1!"

Com relação aos animais fantásticos do título, a "coleção" inclui o pelúcio, um pequeno caçador de tesouros que é atraído por coisas brilhantes; o tronquilho, um animal protetor que tem a forma de um graveto e que vive no bolso de Newt; e o mortal mortalha-viva, que sufoca suas vítimas enquanto dormem. Redmayne passou meses se preparando para o papel convivendo com tratadores de animais de zoológicos e outros, fazendo dele possivelmente o único ator da história a usar o método imersivo para fazer um bruxo.

Ainda assim os colegas dele dizem que valeu à pena. "A coisa mais enternecedora é ver o Eddie interagindo com os animais", disse Waterson. "É tão bonito. Ele trabalhou todas essas dinâmicas diferentes com eles."

Quando o filme for lançado em 18 de novembro de 2016, os fãs podem esperar vislumbres de algumas criaturas dos filmes de Harry Potter também (os sereianos provavelmente vão aparecer). Apenas não espere ver uma versão jovem de nenhum dos personagens humanos conhecidos. Pelo menos não ainda.

Apesar disso, se Animais Fantásticos for um sucesso, mais filmes estão planejados, possivelmente com Rowling escrevendo seus scripts. (Do seu jeito habitual ela já fez um mapa dos próximos dois). Mais a frente, Heyman dá a pista, nós não deveremos ficar surpresos de ver um ou outro rosto familiar. Um diálogo de Animais Fantásticos faz referência a um cara sobre o qual você deve ter ouvido falar - um tal de Dumbledore.

Glossário 

Confederação Internacional de Bruxas e Bruxos

A Organização das Nações Unidas do mundo bruxo; um grupo diverso de representantes bruxos do redor do mundo, com uma câmara de encontro em Nova York.

MACUSA

Secretamente abrigada no Woolworth Building, essa é a versão americana do Ministério da Magia

No-Maj

Do que os bruxos americanos chamam os não-bruxos [ao invés de muggle (trouxa)]

Second Salemers

Uma organização de humanos devotada a expor os bruxos e bruxas.

_________________

Por trás da capa

EW registrou Eddie Redmayne no set do MACUSA, a versão americana do Ministério da Magia. A imagem está repleta de detalhes secretos e o designer de produção, Stuart Craig, concordou em revelar alguns dos mais legais.



Então através da versão digital, quando você clica na imagem alguns detalhes são revelados, como:

  • Ligeiramente baseado no interior do Gótico Art-deco American Radiator em Midtown Manhattan, o design do MACUSA inclui um uso pesado de ouro para "trazer a riqueza na decoração. dado que este é o centro do poder do governo no mundo mágico, é apropriado que seja banhado em ouro"
  • O congresso mágico dos Estados Unidos da América (MACUSA) é escondido dos trouxas dentro do prédio real Woolworth Building (a mais alta estrutura em Nova York em 1926). Bruxos entram através de uma porta giratória ultra rápida, que leva a um grande lobby. Enquanto esse cenário possui longos 75 metros de comprimento e 15 de altura, o teto será expandido com efeitos especiais, para alcançar quase 210 metros para representar uma vazia catedral cheia de luz, "um impressionante e enorme espaço iluminado" diz o design de produção, Stuart Craig
  • J.K Rowling criou essas quatro estátuas douradas de fênix (duas não-vistas) para ladearem a entrada do MACUSA, fazendo homenagem para aqueles que morreram durante os julgamentos das bruxas de Salém. Craig aponta: "O mundo mágico é ambientado em um contexto do mundo trouxa, nascido a partir de coisas familiares e reais"
  • O emblema oficial da MACUSA, baseado no Selo Presidencial inclui o entalhe de uma bandeira americana, combinada com uma fênix abstrata.
  • Intencionalmente surrada e baseada em uma mala de MDF, a maleta de Newt contém criaturas e os habitats delas, que podem ser escondidos de trouxas curiosos e inspetores americanos da alfândega, com o virar de um "interruptor" secreto no trinco da mala. A varinha do Newt também é deliberadamente simples e feita de madeira.

Tradução: Gabriel Pimentel, Ana Paula Pimentel, Isabel Dain, Clarissa Magalhães e Blanca Capuzzo.

Adendo: Mais uma imagem de Animais Fantásticos foi divulgada pela revista! Confira abaixo:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts