sábado, 26 de março de 2016

As razões que levam Rony a ser nosso escolhido



Por ser o melhor amigo de Harry, Rony Weasley foi, por diversas vezes, deixado de lado. Seja pensando que o amigo colocou o nome no cálice de fogo ou sentindo-se intimidado pela proximidade deste com Hermione, o garoto penava em lidar com o sentimento de indiferença dos outros em relação à ele. Mas Rony teve um papel fundamental na história, estando sempre pronto para ajudar os amigos quando precisassem e por isso merece reconhecimento. Saiba mais sobre as razões que levam Rony a ser nosso escolhido, lendo a nossa tradução do texto que foi publicado originalmente no Pottermore.

__________________________________________________________________________


Rony Weasley não é apenas o melhor amigo de Harry Potter. Ele é um herói por mérito.


Alerta de Spoiler: Não leia isso se você ainda não terminou "As Relíquias da Morte".

Ele pode até trazer o tão necessário alívio cômico, mas também traz muito mais do que isso. Rony é um herói por mérito, e um personagem que toca nosso coração.


Transfiguração de um tipo diferente

De "A Pedra Filosofal" para "As Relíquias da Morte", o personagem Rony sofre uma das maiores transformações na série. Talvez não tão significante quanto Percy (de oficioso inconveniente a trabalhador inconveniente e vice-versa), mas podemos argumentar que as mudanças em Rony são talvez mais notáveis do que em Harry ou Hermione.

Para começar, Rony é um garoto de onze anos ocasionalmente insensível, inseguro e ligeiramente invejoso. Ao fim da história, amadurece, tornando-se um homem que sabe o seu próprio valor, representando aqueles que não têm voz, e aprendendo que ele não tem motivo algum para invejar Harry.

Ele é um herói romântico

Enquanto Harry teve seu próprio romance secundário, era o casal Rony e Hermione que nós suspeitávamos que terminariam juntos. Sendo dois terços do Trio de Ouro, os leitores presenciaram vários momentos entre Rony e Hermione, ao longos dos anos, que mostraram sutilmente como seu relacionamento foi mudando. Lembram-se da reação de Rony com relação à paixonite platônica de Hermione por Gilderoy Lockhart em "A Câmera Secreta"? Ou aquela vez que ele defendeu Hermione quando Snape chamou-a de "irritante sabe-tudo" em "Prisioneiro de Azkaban"?

E que tal aquela vez em que ele teve ciúmes (de novo) por causa da "relação" de Hermione com Krum em "O Cálice de Fogo"? Ou quando ele confortou a amiga depois da morte de Dumbledore em "O Enigma do Príncipe"? Ou quando... okay, você já entendeu.

O ponto é que o relacionamento entre Rony e Hermione é um daqueles em que melhores amigos descobrem que se amam; uma série de pequenos e doces momentos através do tempo. E foram esses pequenos momentos que nos fizeram amar Rony tanto quanto Dumbledore amava sorvete de limão.

"Harry olhou para Hermione - a pergunta que ele estava prestes a fazer sobre a falta da varinha da Sra Cattermole que a impediria de viajar com o marido - silenciou. Hermione olhava para Rony falando dos Cattermoles com uma expressão de carinho que fez Harry pensar que ela beijaria Rony".
Harry Potter e As Relíquias da Morte
Um amigo fiel 

Você não precisa de nenhuma folha de chá de Sibila Trelawney para saber que Rony é uma pessoa profundamente leal. Ele pode até ter reclamado que Bichento era um animal de estimação inútil, mas tem uma afeição genuína pelo gato - um sinal do carinho e uma das mais respeitáveis qualidades de nosso ruivo favorito.

E quando Simas atacou Harry verbalmente, no seu primeiro dia de volta ao quinto ano, o mais novo representante de turma, Rony, não hesitou em impor-se. Ele ignora até mesmo o conselho de seu irmão, Percy, de cortar laços com Harry e confiar em Dolores Umbridge. Ele faz sempre a coisa certa por seus amigos, mesmo quando estes estiverem sendo um pouco... irritantes

Subestimado e menosprezado

Estando ao lado de Harry e Hermione, é fácil notar o quanto Rony pode se sentir subestimado; Harry é frequentemente visto como o corajoso, Hermione como a inteligente, e Rony como o divertido.

Embora seja verdade que Rony é muito divertido (Caso em questão: "E de agora em diante, eu não me importo se as folhas de chá soletrarem morra, Rony, morra, eu vou simplesmente jogá-las na lata de lixo, que é o lugar delas"), ele pode ser tão corajoso quanto Harry, e tão inteligente quanto Hermione.

Quantos garotos de onze anos deixariam que eles próprios fossem nocauteados por peças de xadrez, feitas de pedras gigantes, que foram trazidas à vida? Ou seguiriam seus maiores medos, aranhas, em direção à Floresta Proibida para encontrar... uma aranha ainda maior?

Rony também ajuda a destruir uma Horcrux mesmo quando esta mexe com seus medos mais profundos e sombrios: é um motivo para ele ter sido escolhido para a Grifinória.

Quanto à inteligência, Rony demonstra de tempos em tempos que ele tem uma poderosa mente estratégica, evidenciada por suas habilidades em xadrez e em se utilizar da ofidioglossia - uma língua completamente diferente que é composta por sons sibilantes - para abrir a Câmara Secreta.

Rony pode, por vezes, apressar-se em sentir ciúmes, insegurança e raiva - mas é também leal, inteligente, corajoso e divertido. Ele se importa profundamente com aqueles próximos a ele, e está sempre defendendo seus amigos e família.

É este o motivo de Rony ser o nosso Eleito. Seu heroísmo não foi imposto a ele. Rony teve que lutar - algumas vezes contra si mesmo - para fazer a coisa certa. E no final, sempre fez.

Traduzido por: Clarissa Magalhães 
Revisado por: Bárbara Kultchek

Um comentário:

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts