30.8.14

Volta às aulas e outras coisas que não são da sua conta



Mais um tedioso ano letivo se inicia, não porque eu sou professor de Hogwarts, mas porque eu terei que enfrentar novos alunos mandões, pedantes, mimados, mesquinhos, arrogantes e dissimulados. Em uma definição bem simples: novos alunos da Grifinória.

Clicando em Mais Informações você estará assumindo um risco pelo qual eu não me responsabilizo.


Sem falar nos entusiastas nascidos-trouxas e órfãos criados pelos tios, que acham tudo fantástico. Só de pensar que terei de ouvir as mesmas asneiras novamente, como não saber a diferença entre o Aconito licoctono e Aconito lapelo já me revira o estômago, e por falar nele, lembro-me da falta de localização daquelas crianças remelentas que sequer saber onde poderiam encontrar bezoar. Pior que a falta de localização, talvez seja a preguiça que as domina, porque não fazem o mínimo para descobrirem.

Nos meus primeiros anos como professor, não tinha essa moleza toda de entregar só 3 rolos de pergaminho com o dever de casa não, os alunos eram esforçados e não faziam tudo por pontos. Hoje parecem que eles vêm para Hogwarts pela boa comida e para viver longe dos pais e, estes mandam seus filhos porque já não sabe mais o que fazer com eles. Quisera eu poder colocar todos dentro de um saco e mandar para outra escola ou um orfanato e caso me irritarem demais, jogar todos no lago negro.

Infelizmente eu não posso fazer isso, pois seguimos normas de condutas e bons costumes, sem falar na ética e aquela conversa fiada do Dumbledore que me impede de punir os alunos da Grifinória como eles merecem.

Quando não estão com algum livro faltando, esqueceu-se de comprar algum ingrediente e, assim, o meu estoque vai embora. Sem falar nos caldeirões, eu não sei o que eles fazem com aqueles caldeirões que criam uma crosta enorme e gosmenta que nem um esquadrão de elfos domésticos consegue tirar. E eu espero sinceramente que esse ano ainda seja permitido que os alunos limpem as vidrarias e os caldeirões quando eu mandar.

Contudo, já tenho um estratagema para essas ocasiões. Minhas férias foram muito produtivas e fiquei preparando vários testes-surpresa e detenções – logo lançarei o meu livro 50 tons de detenção, aguardem maiores informações nesta coluna – que serão muito úteis para domar essa corja de insolentes.

Já que vocês não merecem minha excepcional presença, eu gostaria apenas de lembrar uma coisa: o Expresso de Hogwarts parte às 11 horas. Se vocês forem ousados demais para virem de carro voador, saibam que estarei de prontidão para assegurar que a melhor detenção (a meu ver) seja aplicada.



Agora cuidem de suas vidas, assim vocês não dão de encontro com dementadores por aí – não que eu me importe – e fiquem em vigilância constante para que o Lorde das Trevas não encontre vocês, afinal, seria uma pena perder o ano letivo em Hogwarts (não que a vida de vocês valha muito). Passar bem.

Recentes

recentposts

Leia também!

randomposts